MINAS GERAIS | Aposentados criam Subsede do Sindnapi em Barbacena, na Zona da Mata mineira

Nos Estados

Por Renato Ilha – O ano de 2018 começou com o cumprimento de promessa feita em setembro do ano passado por Cosme Jesus da Cunha, Secretário dos Aposentados e presidente do Sindicato Nacional de Aposentados, Pensionistas e Idosos da Força Sindical em Minas Gerais (Sindnapi-MG), quando reuniu aposentados ferroviários, com o objetivo de orientar sobre o encaminhamento de requerimentos administrativos e ações judiciais de revisão de aposentadorias. A presença do sindicalista em Barbacena, no dia 11 de janeiro, mobilizou número expressivo de pessoas no Salão da Basílica de São José Operário.

Na ocasião, o sindicalista incentivou a associação dos aposentados ao Sindnapi mineiro, com o propósito de fortalecer a luta por dignidade e respeito para aposentados, pensionistas e idosos. Cosme Jesus prometeu retornar à cidade para lançar as bases de uma subsede da entidade, conforme reivindicado pelos aposentados.

Desta vez, Cosme Jesus da Cunha foi até Barbacena na companhia da advogada Lilian Salgado, integrante da Comissão de Direito Previdenciário da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-MG), e de Elen Prates, coordenadora do setor trabalhista do Escritório de Lilian Salgado. Ambas prestaram esclarecimentos sobre o impacto da reforma trabalhista e os efeitos sobre a aposentadoria, caso a Reforma da Previdência seja aprovada nos termos propostos pelo governo federal. As especialistas também responderam aos questionamentos sobre revisão de aposentadorias. 

UMA FORÇA PARA OS APOSENTADOS

O grupo - formado por aposentados de diferentes categorias profissionais, cuja maioria eram ferroviários -, foi convocado pelos coordenadores José Carlos Marinho, José Rito e Eduardo Reis Damasceno e aprovou, por unanimidade, a criação de uma unidade do Sindnapi na microrregião de Barbacena, integrada por 12 municípios e que abriga população de 237.672 habitantes, conforme estimativa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em 2017.

Após a aprovação da providência, Cosme Jesus da Cunha destacou a importância da criação de uma subsede na região, que fortaleça a luta pela preservação da saúde de aposentados, pensionistas e idosos, assim como dos familiares deles, como pretende o Sindnapi-MG.

Como já acontece em Brumadinho, entidade presidida pelo Secretário dos Aposentados da Força Minas; em Pouso Alegre, e onde o Sindnapi está estruturado, a categoria e familiares têm acesso à descontos em compra de remédios, consultas médicas, exames e cirurgias a preços aceitáveis, a partir das parcerias feitas com clínicas, consultórios, laboratórios e hospitais.

Como sempre faz, o presidente do Sindnapi mineiro defendeu o resgate da dignidade e do respeito aos cidadãos que dedicaram uma vida inteira à sociedade e que merecem o atendimento de qualidade que o poder público não oferece.

UMA REDE DE ATENDIMENTO PARA APOSENTADOS

Cosme Cunha expôs o projeto que a entidade pretende levar até o Vale do Aço, que prevê o estabelecimento de plano de saúde em três níveis, rede de descontos em estabelecimentos comerciais e prestação de serviços nas áreas jurídicas e no campo do lazer, inclusive. Um dos desafios da unidade barbacenense será encontrar alternativas viáveis para a internação hospitalar.

Coordenador da subsede do Sindnapi de Barbacena, José Carlos Marinho declarou a satisfação de estruturar a entidade naquela região, por conhecer as propostas e aprovar o trabalho que vem sendo desenvolvido em favor dos Aposentados e também dos Ferroviários. Para Marinho, a criação do Sindnapi de Barbacena vai preencher a carência de representação.

Ferroviário desde 1983, quando fui admitido na Rede Ferroviária Federal, José Carlos Marinho trabalhou no setor de mecanização de via da SR-3 e depois no Socorro, em Conselheiro Lafaiete.